23 de janeiro de 2008

sem grades


No fim-de-semana passado fomos a Carreço passear. Apercebemo-nos de que não estávamos sozinhos a ver o pôr-do-sol. Esta ave (alguém sabe identificá-la?) pousou num muro e ficou a observar-nos a mim e ao Bruno, frenéticos a tentar fotografá-la. Devia estar a rir-se de nós. Como é de esperar, tentei aproximar-me do passarito (bem grande e que levantava uma poupa quando eu falava com ele), primeiro para conseguir uma melhor fotografia, depois - e porque ele simplesmente não parava de olhar para mim, nem mostrava medo - para tentar ficar amiga dele.
Sou fascinada por aves. Não consigo compreender o que leva alguém a ter uma ave presa. Não consigo. Esta deve ter-se divertido muito a gozar com a minha cara, aceitando as ervinhas que lhe dei, para depois me morder o dedo quando lhe tentei tocar. Só depois de muito brincarmos é que se foi embora. Adoro.

20 comentários:

Anónimo disse...

Ola Nat... desculpa a ousadia por dizer o teu deminuitivo...o que avistaram foi um picapau (se não me engano.. ou um cuco ) não dá bem para ver na foto o bico. Não sou entendida de passaros mas penso que seja um destes.
Sou visitante assidua do teu blog, apesar de só agora colocar um comentário. Votos de muito sudesso.
beijinhos

Marta Mendes disse...

olá querida,
esta ave é um gaio e é linda!

http://pt.wikipedia.org/wiki/Gaio-comum

Luciano Lema disse...

ele à espera de uma bolota ou uma lagarta e tu a ofereceres-lhe folhinhas... uma pontinha de dedo também não ía mal! ;)
o que me espanta é o facto de este gaio ser tão social: normalmente nem se aproximam das pessoas, quanto mais comer pela mão.

macati disse...

ai ai disseste caraças!! aiaiiiii
lindo, nunca vi um gaio tao amigável! devia estar a fazer-t corte... hehehehe
considera-te uma sortuda!
bjnh

macati disse...

sim e pelo que estive a ler agora, confirma-se o q o luciano disse... ele queria 1 BOLOTA... no guia d aves diz que sao cautelosos, tímidos e que dificultam a aproximaçao... vês, sortuda!

nat disse...

Obrigada amigos! Vejam só como sou ignorante, não fazia a mínima ideia de que era um gaio. Dei-lhe folhas porque não havia mais nada à mão ehehehehe.

Ó Luciano estava ansiosa que visses! Acredita que me lembrei de ti quando tirei estas fotografias ;)

Que risota! Tive mesmo sorte, "caraças"!!! :D

rita martins disse...

A segunda foto merece um quadro! :D

Beijinhos *

Tereclopes disse...

Que lindas fotos, e que linda ave, não sei o que é, mas parece-me que deve estar habituada com pessoas, pois se assim não fosse não tinha reagido assim, penso eu é claro.

Sofia disse...

Que lindo!! também eu adoro aves!

sapatinhos de verniz disse...

As pessoas costumavam ficar chocadas quando eu dizia que estou mais depressa do lado de um caçador que de alguém que guarda uma ave numa gaiola... O que as pessoas não perceberam, e que é óbvio, é que não concordo com caçadores... Mas quem guarda um animal, que é feito para voar, numa gaiola, está a condená-lo a uma morte lenta... Privar um pássaro da característica que mais o distingue que é voar, é privá-lo da sua liberdade!
Ele não se afastou de ti porque sentiu que não lhe querias mal e porque não te aproximaste com medo... o medo estagna tudo!
Abraço!

on satage disse...

Belas fotografias, belo momento, oportunidade rara!
Que bom!

Sofia disse...

taoooo fofinho!
tb gosto muito de passarocos :)
já os tive presos, mas agora não sou capaz!!
bjs

sónia disse...

Lindo!
:))

cat|InConsciente disse...

Todo galã! :) E que sorte! Também adoro aves! Simplesmente, adoro animais :)

nice disse...

Por favor passem no meu cantinho. Encontrei uma cadela perdida e preciso muito da vossa ajuda!!!!!

Nice

Li*Azevedo disse...

mas que belas fotos
=)
o filme está mesmo engraçado!!
;)
ihih

LU disse...

Passarinho cheio de personalidade!
Quando vivi em Carreço via coisas lindas, mas ainda não tinha a Câmera :(. De qualquer forma, duvido que qualquer criaturinha dessas socializasse comigo. Você tem estrelinha. E eles sabem!

Célia Jordão Alves disse...

que lindo! :-)

quico disse...

en castelán chámase arrendajo

Non sei o nome portugués

Elsa Castelo disse...

Mas que belo gaio e, para ter permitido que te aproximasses dessa forma, terá gostado mesmo de ti :)