21 de setembro de 2008

quem quer uma gatinha?

A Hamleikah tem três para dar. Eu, se pudesse e como já lhe disse, ficava logo com duas.
Adoro gatos. Conheço muitas pessoas que os detestam. Normalmente têm algum trauma de infância, alergias, medo. Nunca dormiram com um, nunca ouviram um ronrom ao pé do ouvido, ou receberam marradinhas, nunca nenhum se lhes mostrou totalmente feliz e confiante deitando-se no chão de barriga para o ar e olhinhos fechados. Adoro gatos mas sou suspeita.

10 comentários:

bijus da Margarida disse...

Os gatos são de facto fantásticos eu estou apaixonada pela minha Mimi, que mora cá em casa desde as 3 semanas e já lá vão uns 4 anos, sinto que o amor é recíproco, como temos quintal ela anda solta pelos telhados a conviver com os gatos seus amigos, vem quando a chamo (a maior parte das vezes ) e só come uma determinada ração que compro ao quilo e um petisquinho de vez em quando, é muito esquisita, no dia da mãe (eu que sou mãe e pai dela), comprei-lhe uma latinha daquelas finíssimas e caríssimas(mais caras que atum) e ela mandou-me comer a mim :-( , agradece sempre a comida que lhe damos com uma marradinha e retribui trazendo ratos e pardais , ela sabe que como carne (ah! ah! ah!) :-) e quando lhe apetece também dorme comigo espreita lá a foto dela na barra lateral esquerda do meu blog (não sei o nome daquilo) e vê como é linda :-)

nat disse...

Ai Margarida agora arrancaste-me uma gargalhada! :D
Na casa dos meus pais tivemos um gato que até mega-gafanhotos e cobras trouxe. Era louco.
A tua Mimi é linda e lembra-me dos gatos da minha mãe a treparem a uma árvore como macacos, acho que a exibirem-se para ela...

lili-gata disse...

que gatinha linda! miaaauuuu...

Maria Tavares disse...

Olá, não conhecia este blog onde vim por acaso através do blog da Magda. E começamos bem. Os gatos são lindos. Sou uma recente convertida a gatos, (sempre tive cães e ainda tenho) antes não lhes achava graça nenhuma, agora tenho o meu Lucky e às pessoas que pensam como eu, só lhes digo, adoptem um gato e depois falamos. Estou proibida pelo marido de ter mais animais. Infelizmente o meu cão já está muito velhote e com vários problemas. Quando ele se for (vai acontecer querendo eu ou não) sabem o que vou adoptar logo em seguida? Outro gato!! E eles são muito agradecidos tal como diz a Margarida, o meu Lucky depois de eu ralhar com ele por causa de um pássaro (consegui salvar-lhe a vida) trouxe-me antes uma lagartixa. Enfim é cheio de boas intenções.

Beijinhos
Maria Tavares
fiosdealfazema.blogspot.com

Maria Tavares disse...

Olá outra vez Natacha, agora depois de dar uma volta maior pelo teu blog não podia deixar de comentar outra vez. Estou absolutamente apaixonada pelo conteúdo. Temos muitas coisas em comum (eu também prefiro um gelado na esplanada) e chorei a rir com algumas postagens. Se não te importas vou por o link no meu blog está bem?

beijinhos e tive muito prazer em conhecer-te

Maria Tavares

Marta Mourão disse...

Eu tenho uma paixão avassaladora por felinos.
Tenho 3 gatos e adoro-os. Todos com muita personalidade. Quando um dia tiver uma grande casa com jardim hei-de ter mais. Sou viciada no ronronar deles.
Para alguém que esteja na dúvida em adoptar um gato: desde que tenha condições e disponibilidade não hesite! É das melhores experiências, acolher um leão em miniatura :D

Andreia disse...

Bem era apenas para avisar que tenho o link no meu blog... sou a birrinhas não sei se te recordas de mim, mas de qualquer das formas como continuei sempre a acompanhar o teu blog, jamais podia deixar de "linká-lo" (eu sei q esta palavra n existe... mas fica aqui q nem ginjas)

Sónia disse...

Ai os gatos, os gatos.......

Minha paixão desde criança! Felizmente tenho 2 na minha casa!! E muitos mais na minha vida!

Vou torcer por essas delicias!

Oficinas RANHA disse...

O meu Pilas era capaz de gostar de companhia...
Mas eu não tenho espaço...
Ana Cristina

Oficinas RANHA disse...

A tua descrição das maravilhas do que faz um gato é absolutamente fiável...
Rita