17 de setembro de 2008

os animais não pensam

Disse a minha professora de Filosofia do 10º ano. Nunca me vou esquecer. Os animais não pensam.
Há tempos a Raquelita mostrou-me este vídeo, enquanto repetia "Podes ver, podes ver, ele não morre!" e eu "Ai chega à frente, chega à frente!", a tapar a cara com um pano da louça.
Eu vou sempre dar uma voltinha aos outros canais quando estou a ver documentários sobre animais selvagens e chega o momento da caça. Mas este vale a pena. É que os animais não pensam. É o instinto, diria talvez a minha professora de Filosofia.

9 comentários:

cat|inconsciente disse...

não pensam... mas amam... :)

Oficinas RANHA disse...

E sabem que a união faz a força.
Ana Cristina

Marta Mourão disse...

Quanto a mim bem mais inteligentes que muitos humanos...

Carla Morais disse...

...e corajosos! Impressionante!

Rutinha disse...

ainda bem que no texto estava q ele nao morria...mas mmo assim coraçao apertado até ao fim.
com que então não pensam???

Anónimo disse...

fiquei mesmo impressionada! este vídeo é mesmo lindo... e os professores não sabem tudo, só pensam que sabem!
beijo grande bárbara e guga

Célia Jordão Alves disse...

Só vi porque disseste que ele não morria. E ainda bem que vi. Serve-nos de exemplo.

Maria Tavares disse...

Deixa lá as considerações filosóficas. A minha no 11º ano, 1º dia de aula, disse que o Tejo não tinha água. Será que são mesmo para levar a sério??

Maria Tavares

AnaBond disse...

se não tivesses dito nada, eu não conseguia ver.

lição mesmo.