31 de março de 2009

e o prémio Sei Apagar Assinaturas às Três Pancadas vai para...

... para a mesma pessoa! E gabo-lhe também a coragem.
Por favor não me acusem de parcialidade. É que este artista não se deu sequer ao trabalho de apagar melhor o www.pinturadequartos.com desta foto.

27 comentários:

ecila disse...

Estou chocada com tudo isto! Como é que é possivel tanta lata e falta de honestidade? Já tentaste contactar estas pessoas?

Rita Quintela disse...

Beijo grande de apoio.

alice disse...

Isso quer dizer que vais ter que começar a colocar uma marca de água nas fotos.

E já agora, porque é que não nos envias o link do anúncio? Manda lá por mail para eu ver com mais cuidado... :)

Serões da Inês disse...

Olá,
começo a pensar se vale a pena pessoas com o seu talento continuarem na internet.
Vale a pena repensar tudo.
Beijinhos
Inês

Célia Jordão Alves disse...

Minha alma está pasma...
Espero que já tenhas deixado comentários nos sites que apresentaste a desmascarar este grandessíssimo cara-de-pau, para não lhe chamar outra coisa, que a minha mãe não deixa!

Lipa disse...

Estou estupfacta com a lata destas pessoas!!! É que copiar bonecos e afins é mau muito mau mas pelo menos é uma cópia aqui nem isso chega a ser, é usar trabalhos e fotos de outra pessoa e assumir que forma eles que fizeram...é pior que mau! Ainda para mais porque deve haver pessoas que na incência vão pagar a estes gajos para lhes pintar os quartos eles nem um boneco a direito devem saber fazer...muito mau!!! Isto não é plágio ROUBO e é crime! Nunca pensei!
Força e continua com o teu trabalho maravilhoso que estas pessoas não merecem que percas o entusiasmo da tua arte por causa deles!
bjs

Costinhas disse...

Eu não gosto de marcas-de-água, mas acabei por me render. Com fotografias este tipo de atitude é prática corrente.

Há que as por - às marcas-de-água - nos sítios que dificultem o mais possível este tipo de atitude.

Infelizmente o que não falta é gente desta natureza.

Não deixes passar isto em branco.

Beijos

MaRiE disse...

Filho da p***!! Grrrr!! Isto dá cá uma raiva!!!! Existem pessoas que não têm vergonha nenhuma na cara!!! Gentinha desprezível!!

Natasha Oliveira disse...

Olá Natacha!
adoro o teu trabalho e esta situação é realmente chocante! Como é possível alguém desrespeitar tanto outra desta forma?!
Parece que na mesma semana, há uma série de situações - para além da tua situação, a da Rosa Pomar, os "clones" que se fazem passar pelo Nuno Markl - de claro abuso e desrespeito pelo trabalho de outras pessoas, muitas vezes escondidas na "sombra" da net... É muito revoltante, por isso não podes desistir! Se ainda não o fizeste, procura um advogado - quanto mais não seja para saberes que opções tens.
Força!

Luciano Lema disse...

Mas estes indivíduos serão parvos? É que se é fácil apropriar-se da criação alheia, neste meio infindável de recursos que parece ser a web, é também quase certo que serão apanhados.

Nessa perspectiva até me parece útil divulgares aqui todas as coisas que fazes, para que a "comunidade" as possa conhecer e dar o alerta quando surgem impostores.

Bjs!
E espero que lhe acertes com o braço longo e pesado da lei em cheio num olho!

Sónia disse...

Caramba!! É o quarto da minha filha!!

Os cogumelos!! Sacanas! Ladrões!!!

Estou com vontade de ir a esse anuncio chamar o plagiador de tudo menos Pai!!

Ordinários!!

Queres que vá?!?! Ao fim ao cabo eu ainda sei quem esteve na minha casa!! Ai Nat, que nerbos!

Sónia disse...

Pois também eu fiquei chocada...
O descaramento deste tipo é inesgotável!!

A criatividade e o talento são teus. Vê se legalmente podes fazer alguma coisa.
Bj

sapatinhos de verniz disse...

Quando li o post da Alice, nem queria acreditar!
Mas o mesmo comentário que lhe deixei a ela, deixo-to a ti...
Quando penso que mais nada me pode surpreender... eis que situações como estas me deixam de boca aberta!
No caso da Rosa, para além de copiarem o trabalho dela descaradamente, ainda fizeram uma cópia desleixada, que deixa muito a desejar em relação ao original!
O teu então... só posso dizer que tenho pena de quem quer que contrate os serviços dessas pessoa... é que vai arrepender-se redondamente!
Mas apesar de serem situações que revoltam, continuo a dizer:
os pobres coitados que vivem de plagiar os genuínos trabalhos de criadores, vão ter que se contentar sempre em andar um passo atrás dessa criatividade pura e o seu êxito não duraré muito tempo... pura e simplesmente porque nunca vão ser capazes de passar o carisma que só um criador passa para os seus projectos/ideias!

Como disse a Alice, envia-nos o link desse post... para podermos deixar lá a nossa "impressão"!
Alguém tem que colocar estas pessoas no lugar!
Boa semana Natacha!

Ana Rita disse...

absolutamente revoltante. mete mesmo nojo. se houver alguma coisa em que eu possa ajudar para travar este tipo de crimes...é só dizer!! estou completamente à tua disposição.

mushi disse...

Foi uma fase complicada, querida..
Já passou. És muito forte e linda!
Beijos**

Pintarriscos disse...

Olá Natacha! Curiosa a coincidência de termos postado simultaneamente o caso em questão. Confesso que estive quase para não o fazer, pois a cópia é algo que mexe comigo, que me causa repulsa. Mas recentemente alguém - cobardemente anónimo - comentou o meu trabalho no post "Colégio Miúdos Radicais - The End" de uma forma que me deixou revoltado, enojado e intrigado. Não apaguei o comentário - e podia tê-lo feito - na esperanças que a criatura se identificasse. No entanto, não consigo deixar de pensar que de alguma forma o comentário em questão está relacionado com este caso de plágio. Para além de todas as questões que o plágio envolve, uma há que se destaca das outras. Tu fazes um trabalho, e alguém com sensibilidade e bom gosto te pagou para isso, e também pela exclusividade, originalidade e criatividade. Se alguém te copia esse trabalho, significa que alguém pagou para isso, maliciosamente ou simplesmente sem conhecimento do facto. Se fôr este último o caso, na cabeça dessa pessoa, o trabalho é exclusivo, original, criativo, até ao momento em que se confrontar na net com o verdadeiro ORIGINAL. Quando tal acontece, nas cabeça dessa pessoa passas tu a ser a plagiadora. Para além do facto de que quem te pagou também não irá gostar nada do facto de ter pago um peço(justo) por uma intevenção que é replicada indiscriminadamente por alguém.

Um grande beijinho, e continua com o teu trabalho, é muito bom, e irradia amor, o que o torna ainda mais especial. Parabéns

Paulo Galindro

sara aires disse...

Bom, estou pasma... Já com a Rosa fiquei, mas isto começa a ser demais. Concordo com o facto de nos expormos demais quando publicitamos o nosso trabalho na net, mas por outro lado também é um modo de os "apanharmos" e de podermos denunciar a "pouca-vergonha" por esse mundo fora!
Acho que tens que te aprimorar Nat: tens que inventar a pior, a mais maléfica das super-pragas (aquelas que só tu sabes tão bem fazer) e rogá-la aos inergúmenos inúteis desprovidos de criatividade, respeito e todas as qualidades imagináveis. Montes cócó!!
:(

zarah disse...

que tristeza... :(

hpinto disse...

Lindinha, espero que consigas resolver este assunto como deve ser e que essa pessoa seja punida conforme deve ser.
O que necessitares de mim, e penso que de todos os que aqui vêm e que gostam e conhecem o teu trabalho, é só dizeres.
Não sei se o nosso testemunho serve de alguma coisa mas quanto a mim estou à disposição para o que for preciso.

Beijocas grandes :o*

1gota disse...

:(
Não deve ser nada fácil estar a gerir esta situação. Beijinhoe força. Muita força!

:*

Li*Azevedo disse...

é preciso ter muita lata....

hpinto disse...

Só queria acrescentar em relação ao facto de estarmos sujeitas à cópia pelo facto de partilharmos o que fazemos aqui na internet: sim é verdade, mas quanto a mim quem o faz com consciência do que está a fazer só pode ser muito mal formado e ter muita falta de caracter.
O problema não está em partilhar o que fazemos com gosto (e pelo facto de nos sentirmos bem e felizes quando gostam do nosso trabalho), o problema está em quem não tem consciência para pensar que mesmo que o consiga fazer não deve. São valores que aprendemos desde pequenos - ou pelos vistos talvez não.
Eu costumo sempre fazer um exercício que é uma coisa tão básica que não sei porque é que a maior parte das pessoas não o faz: imaginar que estou na pele de outra pessoa em determinada situação - funciona para tudo na vida. Nesta situação em concreto eu pensaria se gostava que um dia me copiassem um trabalho que levei o meu tempo a elaborar e que é fruto da minha criatividade e do meu esforço - a minha resposta seria não! Logo não o poderia fazer a outra pessoa :o) é tão simples e básico quanto isto e nem me parece que seja um exercício só para inteligentes...

Sofia disse...

Natacha, mulheri, tu recorre à justiça.
Provavelmente é dificil provar o que quer que seja, encontrar o idiota e incrimina-lo, mas se precisares de moi é só dizeres, ok?
beijocas

Pedro M. disse...

Acho que ele devia ser sodomizado com uma lata de tinta e pincéis para ver se não volta a fazer-se passar por uma pessoa com talento. E duas pinhas.

Fitinha Azul disse...

Querida Natacha, estamos contigo!

Beijocas e continua a encher de sonhos os nossos quartos!

nat disse...

Muito obrigada a TODOS!!!

maman xuxudidi disse...

Apesar de vir a conhecer-te através do blog da Alice, manifesto uma profunda tristeza para com estes actos de plágio, de vigarice. Há sem dúvida, pessoas sem escrúpulos nenhuns e contra os quais devemos saber defender-nos. Força!