4 de abril de 2009

pequena história trágica

Era uma vez uma menina que se alimentava de doces. Um dia essa menina foi a um médico alternativo que lhe picou o dedo, pôs uma gotinha do seu sangue no microscópio e explicou-lhe que se não se pusesse a pau, um dia ficava muito doente do fígado. A menina tentou ter cuidado, mas os doces vinham todos os dias directos a ela, e eram enormes e apetitosos e muito muito simpáticos, e diziam-lhe "Olha ali o elefante!" e quando ela se apercebia já eles estavam a nadar-lhe nas veias.

Um dia a menina voltou ao médico já com o fígado doente. Ele ralhou um bocadinho com ela, disse-lhe que tentasse comer frutos secos em vez de gelados e chocolates e que se desintoxicasse, para bem do seu fígado.

A menina veio para casa e, obediente como só ela, afogou-se em açúcar. Depois lá se sentiu capaz de desintoxicar.
Ao fim de um dia de fruta, legumes, cereais integrais e água, a menina sentia-se bem.
Ao fim de dois dias sem café, a menina sentia uma bela dor de cabeça. E tinha sonhos eróticos com o coelho da páscoa.
Ao fim de três dias, a menina acordou morta.

11 comentários:

Sofia disse...

mas acordará. ;)

Annie* disse...

Mas acordará. ;) e o figado dela ainda vai estar um bocadinho amuado, mas a menina, com jeito, lá vai convencê-lo de que sempre foram tão amigos e vão fazer as pazes. E vão celebrar com cantorias e danças de roda às quais se vão juntar todos os doces mais apetitosos do mundo. Só para dançar. Que isto são tudo doces de respeito que gostam de celebrar histórias com um fenial feliz. ;)

Annie* disse...

Mas acordará!! ;) Com jeitinho, como ela sabe, lá vai conseguir fazer com que o figado a perdoe e deixe de estar amuado e dorido. Ao fim de algum tempo fazem as pazes e, após a definição de um limitezitos para garantir que não há cá mais zangas, o figado a menina e até mesmo o conteúdo de uma coinfeitaria inteira vão ser felizes para sempre. ;) Desculpa a imtromissão, mas não deu para resistir. Um dia feliz. ;)

Tulicreme disse...

Tens um prémio à tua espera no Tulicreme :)

Carla Morais disse...

hahahahahaha!!!!!!!

Vá, força que fale a pena! É como a ginástica - penoso mas frutuoso!

mimiko disse...

Trágico? Onde? não aqui! Onde a SuperNat consegue tudo! És ou não a nossa super?! Força!!

Ana Paula disse...

Na manhã seguinte a menina abriu os olhos e recebeu com alegria os raios de sol que entravam pela janela do quarto sem pedirem licensa....Afinal não tinha morrido...Tudo tem solução - pensou.Levantou-se da cama, respirou fundo e sacudiu o peso que sentia em cima dos ombros e disse em voz alta : Está nas minhas mãos ouvir as mensagens do meu corpo.A solução está nas minhas mãos e de mais ninguém.A menina telefonou às pessoas que mais amava e combinou um almoço para esse dia.Afinal estar rodeada com quem lhe quer bem, estar envolvida em projectos em que acredita faz milagres.Resta é arregaçar as mangas e fazer as pazes com o seu rim, de certeza que ele a vai ouvir.Afinal a vida não é só tragédias, elas muitas vezes aparecem para nos lembrarem do quanto é importante as pequeninas coisas da vida, que muitas vezes temos como garantidas.
Beijinhos e que as melhoras estejam para muito breve.

Ana Paula Matias

Li* disse...

a ginástica compensa =)

macati disse...

mas está no ceu com o coelhinho da pascoa e muito felizes a comer ovinhos d pascoa de chocolate mas k ja nao fazem mal porque esta morta...
hahahahahah

henrik disse...

acordou morta é realmente é uma historia trágica.

Camila Reis disse...

????? Historia confusa, hehe