11 de fevereiro de 2009

amor incondicional

Devíamos amar-nos uns aos outros como eu amo o chocolate:

Preto
branco
sucedâneo
de leite
na páscoa é ovinho
no natal é enfeite

No leite
no pão
assim ou assado
na fruta fondue
na roupa pingado

Quente
morno
frio
gelado
derretido ao sol
no tacho queimado

Em qualquer receita
seja boa ou má
muito doce
amargo
com café
com chá

Bombom maciço
bombom com recheio
não havendo bombom
haverá brigadeiro

Chocolate eu amo-te
comi bolo encruado
dá-me a volta a barriga
e pago assim o pecado

6 comentários:

sapatinhos de verniz disse...

mmm. deixa-me adivinhar!
esta a chegar o dia dos namorados e tu decidiste escrever-lhe um poema!
tão lindo!
;)
abraço

Fabiana disse...

Adorei!!!
Por aqui também me sinto assim.
Bjos

mimiko disse...

É da tua autoria ou de um outro guloso qualquer?! É lindo, até fiquei com vontade de dar uma dentadinha em qualquer coisa com chocolate! :)

Sara T. disse...

Aiii...adoro vir até aqui! (suspiro) ainda por cma vou tão bem embalada...chocolaaaaaaaate!!!
Bjos

ecila disse...

Olá meu nome é ecila e eu sou uma chocolica... está um mimo o poema :)

Carla Morais disse...

que inspirado! isso é que é amor!