23 de setembro de 2009

momento publicitário sado-maso-surreal

Já conversei com o senhor que faz as minhas pinturas melhor que eu própria. Já lhe disse que não estou interessada nos serviços dele, que me chamo Natachinha e que o número com que lhe estava a telefonar é o que está escarrapachado no site que assina as fotos que ele, ingenuamente, enviou à potencial cliente.
Também lhe disse outras coisas menos agradáveis de se ouvir, por isso ele acabou por me dizer que eu tinha era inveja dele. Ora, em forma de agradecimento, deixo aqui o contacto do senhor. Meus caros, é ligar-lhe e pedir as pinturas enquanto a agenda está livre! Ele diz que é de confiança e que faz um bom trabalho. E mostra-se mais disponível do que eu para negociar preços.
Bom trabalho, meu rico colega.

13 comentários:

patrícia disse...

inacreditável. que episódio surreal.

Anónimo disse...

o verdadeiro cabrão!

Taynah disse...

Nossa, agora até eu fiquei chocada com a cara de pau de um sujeito como esse. Credo.

Anónimo disse...

porque não tratar este caso como o que realmente é? um verdadeiro caso de polícia? denunciar o caso ao "nós por cá" também não seria mal pensado, o programa até faz um bom serviço, até melhor que inúmeras instituições... é impressionante a anormalidade e descaramento de certos e determinados seres, sem princípios nem escrúpulos alguns... Mas nada fazer é dar espaço para seguirem com a estupidez...

Li* disse...

eu vou ligar.

venho já contar como foi.

Li* disse...

eu vou ligar.

venho já contar como foi.
até quero ver a lata dele.

inacreditável.

Marta Mourão disse...

A minha alma está parva.

Carla Morais disse...

O Anónimo já disse.

(reparaste como ele vacila entre o tu e o você na mesma frase? deve ter problemas, coitado...)

bijus da Margarida disse...

Afinal ainda há coisas que me espantam!!!!!!! Há mesmo gente para TUDO. É preciso ter muita falta de originalidade e de imaginação, pobre criatura!!!!

Anónimo disse...

Olá!
Sigo o seu blog há uns tempos, e gosto muito de tudo o que faz. Tenho pena (por si) que aproveitando a sua onda de energia criativa, outras pessoas façam negócio. Há pessoas para tudo!
Mas agora repare: o seu trabalho é incomparável, é único, e é feito com muito carinho. O que não me pareceu de todo no trabalho do copião! Acresce o facto de, nas imagens que vi, ele não perceber nada de harmonias cromáticas, riqueza gráfica e plástica, tratamento de paredes, composição, e reparou como as paredes estavam mal pintadas?!?
Só não distingue quem não tem sensibilidade e não percebe da diferença do impacto das imagens na alma dos miúdos.
Não se preocupe! Não gaste a sua energia a ficar irritada com quem é oportunista e não é pessoa de Bem. Siga o seu caminho, continue a fazer essas pinturas liindas, publicite o seu trabalho, e acima de tudo não dê tempo de "antena" a quem lhe faz isso ou aja!... faça queixa e diga-lhe directamente que as fotos são suas e que o que ele está a fazer não é correcto nem profissional.
As acções ficam com as pessoas.
E continue em frente!
Você é linda!!

sapatinhos de verniz disse...

bem que o sr. dito cujo precisava mesmo de fazer passar as tuas pinturas como sendo dele... a ver pelas que tem, em que ele está a pintar...
só tenho mesmo pena das pessoas que são levadas ao engano... a pensarem que estão a pagar por um serviço e depois levam com um trabalho tão pouco nobre!
será que ele tem livro de reclamações?
é que bem vai precisar...

Sofia B. disse...

já fui ver... Não vi fotos tuas, mas os trabalhos dele... valha-me deus, já percebi pq é q o preço pode ser negociável... Que desenhinhos mais feínhos.
beijocas

Faz de Conta disse...

É triste mas é a realidade cada vez mais frequente... Eu denunciava!

Beijinhos e continua a fazer o teu trabalho magnífico e inimitável!

Carla*