26 de julho de 2008

algarve

O Algarve tem azul no céu, branco nas paredes e vermelho na terra. Escaldões na pele, gelados na mão, sal no mar e cactos no chão.










As três da sombra vieram meter-se entre profissionais de saúde. Eles sem farda são anjos na mesma. Têm o poder de curar. A mim pelo menos, sim. Com muito riso e paciência. E carinho.
Descobri que os algarvios não sorriem logo, mas sorriem. Há gelados caseiros de sabores obscenos. Conto regressar ao norte usando o meu diâmetro como meio de transporte.

11 comentários:

Alecrim disse...

os escaldões é que eram escusados...
Boas mini-férias.

Pedro M. disse...

Ai esse gelado... Descansa muito, Natacha. É Vermelho Devagarinho, não É Vermelho Depressinha. Vais ter tempo de sobra para desenhar ;)

Carla Morais disse...

:-D usando o meu diâmetro como meio de transporte!!! :-D Que super-humor! (quem me dera nessas águas!)

pf disse...

Gostei à brava da fotografias.
pf

sapatinhos de verniz disse...

que bom que já te pareces sentir melhor!!!

sapatinhos de verniz disse...

quanto a essa do diâmetro... parece que já recuperaste o humor, e não há melhor sinal de melhoras que esse!!!
será bom ter-te de volta com piadas animadas!!!
mas principalmente, é bom saber que te sentes melhor!!!

on satage disse...

estas mesmo escaldadinha... mas pareces mais animada e isso é que importa!

Oficinas RANHA disse...

Beijinho da Ana Cristina

nat disse...

:)

CARPE DIEM disse...

E para te provar que efectivamente os algarvios sorriem, aqui vai um... ;0)

Fabiana disse...

Que bom que estás se recuperando... Um descanso é mesmo o melhor remédio.
Bjos