20 de fevereiro de 2008

perto

A minha maior dificuldade em divulgar o meu trabalho é explicar visualmente como fica uma parede pintada. Se as fotografo de longe, perde-se informação e os quartos parecem enormes. Se as fotografo de perto, as pinturas ficam completamente descontextualizadas e imediatamente parecem outra coisa qualquer. Mas hoje deixo aqui o perto, o muito perto. A textura da parede, das tintas e do desenho. As imperfeições de que aprendi a orgulhar-me. A prova de que é uma mão humana que faz tudo.






8 comentários:

Chana disse...

Onde estao as imperfeições?!?!?!
As tuas pinturas sao fantasticas...

on satage disse...

Trabalho fantástico!!!

Li*Azevedo disse...

tb n vejo imperfeição nenhuma!
adoro o ratinho!

hpinto disse...

Ainda melhores assim pertinho!!!
:o)))

Linhas&Missangas disse...

O peixe a dormir ... que ternurento :)*

Anónimo disse...

Lindos, lindos, os seus desenhos. Muitos parabéns e continue a mostrar-nos o seu trabalho fntático. Conceição Azevedo

Van Dog disse...

:)

Anadosol disse...

Lindas, lindas, lindas. Sem mais...

*anadosol*