23 de fevereiro de 2008

é à

Tenho de o dizer. Tenho mesmo. Não é que eu nunca dê erros ortográficos ou pontapés na gramática mas isto, juro pela minha felicidade que me lembro da mesa em que estava sentada e era na escola primária. E a professora escrevia no quadro e dizia e repetia:

Vou à praia.


É à!!! É À com acento grave!!! Assim `````````````````````
É grave. O acento é grave. E um A sozinho nunca leva acento agudo. Não em português. Nunca.

Vou dormir.

9 comentários:

andie disse...

etiqueta:alucinações? Lol!
Boa noite e bom fim de semana!
Jinhos!

Faz de Conta disse...

É verdade e cada vez mais se nota nas novas gerações a falta de uma boa professora primária.
Eu também tento não dar erros nem pontapés, mas às vezes.... hihihi!!

Bjos :o)
Carla

bijus da Margarida disse...

como visito todos os dias o teu blog, tenho um mimo para ti no meu :-)

Talvez isto fique por ver disse...

É à, é! :)

Ana Rita disse...

I'm with you sista! Também confesso que dou alguns erros, mas desses NÃO POR FAVOR!

Anónimo disse...

natacha consegui vir aqui... já não lia nada teu +ou- desde o natal!!! tou farta de me rir! tenho saudades, muitas muitas! deixa o teu e-mail e eu comunico.
o peter pan está lindo e grande pequenino, lindo!
beijo bárbara

CACAU disse...

Pois, pois...a mim também me dá comichão quando vejo este grande erro! A minha professora primária dizia: "o acento no a, quando está sozinho, é grave porque é grave cair para trás sozinho!!" Nunca mais me esqueci...
Claro que depois há excepções como : àquele(s), àquela(s)...
E assim se vai falando e escrevendo mal a língua portuguesa!
Cacau

Rita Quintela disse...

clap! clap!

BrU disse...

Vires pregar gramática para a net e apresentares a tua indignação porque a malta não sabe escrever é lírico.
90% dos portugueses não conjugar os verbos.
E, dos que andam na net e em blogs, a percentagem sobe para 99, passando do contexto "verbos" para o geral.