21 de dezembro de 2012

a escrever o meu livro


Escrever sobre amizade é percorrer mentalmente a enorme lista de pessoas que amo, e me amam. A enorme lista de pessoas em quem penso diariamente, cujos abraços e beijos e vozes são a melhor coisa que existe. A quantidade de pessoas que fazem de mim uma pessoa melhor. O que seria de mim sem as pessoas?
Lavada em lágrimas de saudades.

6 comentários:

Anónimo disse...

Minha irmã... A saudade aperta. Beijocas gordas Nhocas

di disse...

:,) mt mt amor*

Ricardo Rodrigues disse...

fico muito feliz que tenhas voltado a escrever aqui :)
beijos

Ricardo Rodrigues disse...

fico muito feliz por te estar a ler com mais regualridade novamente :)

beijos

Anónimo disse...

Querida Natacha (deixe-me tratá-la assim),
não a conheço mas gosto tanto do que escreve... Sinto-me sempre tão tocada como se estivesse a ver-me ao espelho. A Natacha é tão especial... Desejo-lhe um ano para lá de excelente e a maior sorte do mundo.
Um beijo,
Luz
(o comentário deve aparecer como anónimo, mas eu sou a Maria da Luz)

Oficinas RANHA disse...

Olá Natacha
Depois de muito tempo encontrei-te de novo. Mais feliz contigo e com a vida que encontraste por terras de Londres.
Espero que tenhas um ano 2013 cheio de felicidade, de criatividade e de cor.
Muitos beijinhos da Ana Cristina.